"Hoje é o dia do nosso último momento como uma turma. Hoje é o dia que abraçaremos e sentiremos com mais precisão, dia esse que o orgulho pela caminhada até aqui e a saudade que nos restará tomarão de conta. Eu entrei na escola com 2 anos e meio e olhando pra vocês eu vejo pessoas que estão comigo desde o maternalzinho, outras que foram completando com o passar dos anos e sinto saudades de algumas que foram saindo. E falando em saudade... Sentiremos saudades de tudo o que descobrimos, dos sonhos que tivemos, dos tantos momentos que compartilhamos. Sentiremos saudades até mesmo das horas que compartilhamos a agonia e o nervosismo. Saudade. Falo tanto sobre saudade porque antes eu achava que amizades feitas na minha vida escolar durariam pra sempre e hoje... Bom, hoje eu não tenho mais tanta certeza quanto a isso, em breve cada um estará seguindo um rumo diferente, seja pelo destino ou por algum desentendimento, quem sabe não acabemos esbarrando por aí. Mas agora, a única certeza que tenho é a saudade. É a saudade de chegar na escola, dar “bom dia” pro Gilberto, Seu Wilson ou James e logo em seguida pro Manel. É a saudade da rotina com vocês. Saudade das risadas mais exóticas da sala. Saudade das vezes que acabamos falando sobre a vida e fizemos um ao outro refletir. Saudade dos recreios que passamos todos juntos. Porque juntos chegamos até aqui. Sei que cada um tem sua importância. Um dia nossos filhos verão nossas fotos e perguntarão quem são aquelas pessoas, e então diremos que eram nossos amigos, com os quais compartilhamos os melhores anos vividos. E aqui outra vez a saudade apertará. O que quero dizer é que a partir de agora teremos de conviver constantemente com a saudade. E não podemos esquecer de agradecer. Nosso muito obrigada a todos nossos professores que foram responsáveis pela nossa formação não só educacional como também pessoal. Obrigada também à toda equipe saviniana, quem fica na cantina e quem deixa tudo limpo pra que a gente possa usar. Obrigada à nossa coordenadora Socorro que nos acompanha de perto e nos chama atenção quando necessário, uma mãe. Obrigada à nossa diretora Irmã Graça que é uma pessoa competente e sempre faz o melhor que pode, companheira. A vida também trata-se disso, gratidão. Devemos ser gratos por tudo que nos é proporcionado. Eu sou grata. Sou grata por ter conhecido cada um de vocês, alunos, professores, demais funcionários. Como eu já disse no começo no texto, eu entrei na escola com 2 anos e meio. Eu vivi aqui. Eu dei muito trabalho. Mordi muito gente e inclusive alguns dos meus amigos aqui lembrarão disso. Eu fiz ballet e algumas das minhas amigas que estão aqui também. Eu participei do Sonho de Savina, minha Primeira Eucaristia foi nessa igreja e minha Crisma também. Foi nessa igreja que também contei os quadrados do teto mais de 100 vezes com meus amigos. Foi nessa escola que eu cresci e amadureci, hoje me sinto pronta pra qualquer que seja a próxima fase. Foi aqui que eu descobri paixão pelo esporte e vocês sabem que quando se trata de vestir a camisa da escola até pra jogar eu sempre levei muito a sério, porque eu queria fazer isso pela escola. Eu criei um amor por essa instituição. Um amor que eu sempre terei. E mais uma vez, sentiremos saudades. Estamos juntos agora e desejo muito sorte a cada um em qualquer que seja o caminho que irão trilhar. Desejo força e que não se abalem com coisas pequenas. Desejo sabedoria para que possam tomar decisões certas. Obrigada por todos esses anos, amigos e equipe saviniana. Serei adepta à frase “saí mas não sai de mim”, porque eu vou sair do CNSG mas nem é uma hipótese que o CNSG saia de mim. Obrigada!"


Bianca Vasconcelos Almeida